Há Vida na Aldeia

Projeto Nº - 6

Há Vida na Aldeia

Área de Intervenção: O projecto Há Vida na Aldeia, é de cariz sociocultural ao nível da dinamização comunitária da freguesia de Castelo Branco, tendo por base a intergeracionalidade entre as crianças do 1º Ciclo da freguesia de Castelo Branco e os idosos de Lentiscais localidade pertencente a esta freguesia. Há Vida na Aldeia, para além de ser de cariz sociocultural, é transversal á área da educação, da saúde, do desporto, do património bem como á área social e psicossocial, uma vez que visa a pessoa como um todo.
Proponente: Ana Maria Marques da Costa Batista Carrega
Nº de votos 3

Enquadramento do projecto Lentiscais é uma aldeia rural com cerca de 200 habitantes, onde a desertificação e o envelhecimento se apresentam como casos paradigmáticos. Para além das consequências em termos demográficos como a desertificação, o baixo nível populacional tem implicações a nível social, pois potencializa a quebra de laços/relações e de vizinhança/ajuda conduzindo ao isolamento da população mais idosa que consequentemente fica grande parte do tempo entregue a si própria. Como agravante a par desta profunda rarefacção demográfica regista-se uma grande assimetria na distribuição da população residente por grupos etários. Os indivíduos com mais de 65 anos representam cerca de 70% do total da população. Após ter sido efectuado o diagnóstico social, através do qual verificamos que o isolamento e consequente exclusão social são ameaças reais, consideramos ser fulcral realizar acções que minimizem o isolamento social, as dificuldades de mobilidade, e a perda de capacidades cognitivas, ao mesmo tempo que valorizam os recursos humanos e naturais, Se em Lentiscais nos debatemos coma problemática descrita, na cidade Albicastrense muitas são as crianças que em período de férias lectivas de Verão não têm actividades de tempos livres porque os recursos económicos dos pais não o permitem. Do Conhecimento destas duas realidades, surge este projecto Há Vida na Aldeia. Em termos de recursos humanos, muitos dos habitantes ainda possuem capacidades intelectuais e cognitivas, para desenvolver actividades que visem quebrar os problemas acima identificados assim considera-se que o contacto com as crianças será um factor primordial para melhorar a qualidade de vida desta população. A localidade de Lentiscais fica situada dentro da área do Tejo Internacional, uma zona de excelência para a realização das mais diversas actividades. Há Vida na Aldeia, é um projecto inovador, que promove iniciativas de experimentação social que se constituem como novas abordagens de resposta aos problemas emergentes identificados na localidade de Lentiscais. Para além deste factor o projecto cria sinergias entre os recursos e as competências existentes na comunidade, integrando perspectivas inovadoras baseadas na democracia participativa dos beneficiários do projecto. Neste âmbito Há Vida na Aldeia, pretende ter uma intervenção que garanta novas e melhores respostas de proximidade aos cidadãos, crianças e idosos numa óptica de complementaridade, porque aposta nos conhecimentos e competências do indivíduo idoso, colocando-os ao serviço das crianças. O carácter inovador do projecto está no fato de implementar um conjunto de actividades que para além de minimizarem o isolamento social da população, têm cariz educativo e pedagógico para o público infantil e ao mesmo tempo proporciona ao público adulto a experiência de reviver o passado. Este projecto é um desafio, pois implica a implementação de um modelo de organização conjunta, que agrega parceiros de várias vertentes que tradicionalmente não estão envolvidos numa actuação em rede e tem como principais atores os beneficiários do projecto.

Estrutura do projecto

O objectivo principal do projecto é promover e incentivar uma cultura participativa e comunitária na população de Lentiscais; proporcionar momentos intergeracionais culturais e de lazer dinamizados “com” e “para” a população, visando a aquisição de novos conhecimentos e realidades por parte das crianças que vão aprender fazendo sendo deste modo os actores do seu crescimento.

Este projecto tem ainda como objectivos específicos:

a) Promover o desenvolvimento harmonioso e global das crianças da freguesia de Castelo Branco, através de actividades de cariz sócio cultural, na vertente pessoal, social e afectiva;

b) Prevenir e combater o isolamento da população de Lentiscais que é maioritariamente composta por idosos acima dos 65 anos, salvaguardando a dignidade humana e contribuindo para o bem-estar físico, social e emocional da população idosa;

c) Criar momentos de interajuda tendo em vista o desenvolvimento pessoal e social das crianças, bem como a manutenção das capacidades cognitivas, físicas e sociais dos idosos.

Resultados Esperados A finalidade do projecto, Há Vida na Aldeia, é criar espaço a novos mecanismos de resposta da e para a população, com o necessário desenvolvimento sustentado do território. Assim, no final do projecto pretende-se:

  • Melhorar a qualidade de vida da população de Lentiscais;
  • Promover e divulgar a aldeia de Lentiscais, meio envolvente;
  • Conservar e documentar a memória popular;
  • Desenvolver as relações intergeracionais;
  • Que as crianças adquiram novos conhecimentos;
  • Que as crianças conheçam e reconheçam a importância da pessoa idosa na sociedade;
  • Fomentar as parcerias;

Actividades

As actividades a desenvolver pelo projecto, Há Vida na Aldeia, ao longo de um mês estão relacionadas com os costumes e tradições da aldeia de Lentiscais. Assim, serão implementadas um conjunto de actividades, que vão ser dinamizadas/vividas pela população de Lentiscais e pelas crianças da Freguesia de Castelo Branco.

- Workshop de flores de papel para enfeitar os pinheiros na festa de verão;
- Workshop Ervas e chás medicinais;
- Workshop de Conservação de Alimentos de forma tradicional;
- Workshops de Nutrição, Alimentação e Saúde;
- Workshop Sabores da Aldeia - confeção de compotas;
- Workshop culinária – pão, bolos, filhós, … ;
- Elaboração de herbários; - Jogos tradicionais;
- Concurso de Pesca; - Rota das Fontes e visita a uma azenha;
- Cinema ao ar livre;
- Observação da geologia, fauna e flora;
- Festa na Aldeia;
- Outras a definir e calendarizar posteriormente.

Descrição do Projecto

Há Vida na Aldeia, é um projecto inovador, que promove iniciativas de experimentação social e apresenta novas abordagens de resposta aos problemas emergentes identificados na localidade de Lentiscais e na cidade de Castelo Branco. Para além deste factor o projecto cria sinergias entre os recursos e as competências existentes na comunidade e ao integrar perspectivas inovadoras baseadas na democracia participativa dos beneficiários do projecto, faz deles os principais atores.

O objectivo principal do projecto é promover e incentivar uma cultura participativa e comunitária na população de Lentiscais; proporcionar momentos intergeracionais culturais e de lazer dinamizados “com” e “para” a população, visando a aquisição de novos conhecimentos e realidades por parte das crianças que vão aprender fazendo sendo deste modo os actores do seu crescimento. Assim, as actividades a desenvolver serão dinamizadas pelos utentes do Centro de Dia de Lentiscais e por um grupo de habitantes de Lentiscais tendo a participação de crianças da freguesia de Castelo Branco. Caracterização dos Beneficiários 6 -10 anos (X) 55- 65 anos (X) + 65 anos (X)

Para perceber e compreender a importância do Projecto em candidatura é incontornável atendermos ao contexto geográfico, sócio-demográfico e económico da população de Lentiscais, bem como ás necessidades de algumas das famílias albicastrenses de que os seus filhos possam durante as férias ter algumas actividades de tempos livres de forma gratuita. Lentiscais é uma aldeia eminentemente rural, onde a desertificação e o envelhecimento se apresentam como casos paradigmáticos a médio prazo. Para além das consequências em termos demográficos - desertificação - estes baixos índices populacionais têm implicações a nível social, emocional e psicológico na medida em que potencia a quebra de laços/relações de vizinhança/ajuda e, consequentemente, conduz ao isolamento da população mais idosa que fica grande parte do tempo entregue a si própria. A par desta profunda rarefacção demográfica regista-se uma grande assimetria na distribuição da população residente por grupos etários. Os indivíduos com mais de 65 anos representam cerca de 70% do total da população. Relativamente aos agregados familiares são unipessoais, com predominância do sexo feminino. Outra grande vulnerabilidade desta aldeia, e que é simultaneamente causa e consequência das anteriores, prende-se com a escassa actividade económica, baseada nos sectores tradicionais (agricultura, pequeno comércio) A desertificação e o envelhecimento apresentam-se como casos paradigmáticos a médio prazo, que se pretende com esta actividade minimizar.

Entidade Promotora

A Entidade Promotora será o Centro de Dia de Lentiscais – Castelo Branco, que para a concretização do projecto irá estabelecer parceria com diversas associações da freguesia de Castelo Branco. Vamos valorizar o saber das gentes desta aldeia, memórias vivas conhecedoras dos usos, costumes e tradições, transmitindo-os aos futuros cidadãos do Mundo.

Voltar

O Orçamento Participativo em Números

Munícipes
Votantes
31196
Projetos a
Votação
6
Votos
Registados
76